Comunicado oficial sobre medidas emergenciais adotadas em Piracaia

Atualizado em 30 de maio, às 10h30.

Por conta do desabastecimento ocasionado pela paralisação dos caminhoneiros, que afetou diversos serviços essenciais prestados pela Prefeitura, o Decreto 4.493/2018 (leia aqui na íntegra), que “dispõe sobre medidas emergenciais que estão sendo adotadas em razão dos reflexos ocasionados pela greve dos caminhoneiros dizimada em todo território nacional”, tem como objetivo racionalizar recursos existentes e direcioná-los para ás áreas essenciais e serviços emergenciais.

Alguns serviços da municipalidade continuam a operar de forma normal e outros reduzidos ou temporariamente suspensos:

>> Educação: As aulas nas escolas municipais voltam na próxima segunda-feira, dia 4. A merenda segue abastecida de forma normal e o transporte dos alunos, fretado e com frota própria, também vai operar.

>> Saúde: os transportes de pacientes para quimioterapia, radioterapia e hemodiálise seguem normalmente e as consultas ambulatoriais para outros municípios estão sendo reagendadas. Os serviços de urgência e emergência da Central de Ambulâncias e do Samu continuam em operação.

>> Coleta de lixo: a empresa responsável pela coleta de lixo informa que possui reserva de combustível e vai funcionar de forma normal.

>> Transporte público: as linhas para alguns bairros tiveram redução de funcionamento. Confira aqui – https://bit.ly/2IUH6tI

>> Assistência Social: apenas as visitas domiciliares emergenciais do CREAS e CRAS seguem de forma normal. As aulas do Programa Estadual de Qualificação (PEQ) voltam a partir de segunda, dia 4.

>> Esporte, Cultura e Turismo: as atividades do Sesi, Navega SP, além das aulas realizadas no Centro Cultural e do Projeto Guri continuam canceladas.

>> Obras, Infraestrutura, Agricultura e Meio Ambiente: os departamentos vão trabalhar de forma reduzida em relação a vistorias, o que pode ocasionar atrasos, e darão prioridade a urgências.

O Poder Executivo informa, ainda, que está fazendo o possível para manter os serviços essenciais funcionando e que os atendimentos voltarão a ser normalizados assim que o abastecimento de combustível estiver disponível no município. Se a greve tiver novos desdobramentos, os comunicados da Prefeitura Municipal serão passados pelos canais oficiais.